Lesão: reconheça quando o problema está chegando

20 de janeiro de 2017 ● POR Redação

Nosso corpo é sábio. Tanto que nos avisa antes de uma lesão chegar. E se você é uma pessoa que está atenta e sabe ouvir o corpo, pode reconhecer os sinais antes que surja alguma lesão de corredor.

Uma dor mais leve, a pulsação que está descompassada e até a queda do rendimento no esporte podem ser sinais de um problema iminente.

É vital ouvir o corpo para prevenir uma lesão de corredor que pode tirá-lo do esporte por tempo indeterminado. A frustração e a apatia depois de problema como esse também são consequências que podem desanimar a continuidade do esporte.

“Se você sentir qualquer dor em qualquer parte do seu corpo, não ache que isso é temporário, consulte um especialista. É melhor prevenir do que remediar “, fala o médico Julio Grados, especialista em medicina esportiva. Para ele, a melhor solução para evitar uma lesão de corredor seria diminuir as horas de exercício.

“As dores podem ser apresentadas em várias formas e em diferentes fases do exercício” comenta o Dr. Julio Grados. De acordo com o especialista, você tem que ter muita atenção para o desconforto que pode sentir no final de cada prática. “Precisamos muito do descanso para recuperar o organismo e fugir de lesões. Se sentir algum desconforto após o treino, talvez esteja sobrecarregado”, completa o médico.

Note, ainda, se você está tendo um momento difícil no esporte e sentindo dores onde não sentia. “Uma coisa é a fadiga natural e outra, a dor; devemos aprender a distinguir”, conclui. O conselho é sempre visitar um médico para que ele possa fazer um diagnóstico mais preciso.

Matéria publicada no site Activo (Peru)