O que é ser Personal Trainer?

07 de fevereiro de 2013 ● POR Redação

Olá amigos, segue minha coluna de Fevereiro, boa leitura a todos!

O uso do nome Personal Trainer vem se tornando cada vez mais comum entre nós, profissionais da Educação Física. Mas, fazendo uma reflexão mais profunda, pergunto: o que é ser um Personal Trainer?

O que faz um professor ser um Personal Trainer de verdade? E não apenas falar que é Personal Trainer, pois soa muito bonito você se apresentar como Personal Trainer, é um belo status dentro da área de quem atua no ramo de musculação e condicionamento físico, além de passar uma sensação de importância.

Ser Personal Trainer vai muito além do nome, para um professor se denominar com tal nomenclatura não basta estar numa sala de musculação com uma camiseta extravagante escrito Personal em letras garrafais.

E também vai além do número de alunos que você tem, não significa que um Personal que tenha 10 alunos seja mais Personal do que um que tenha 3.

É claro que se você tiver uma boa cartela de alunos significa que você está no caminho certo, tanto na parte técnica como na parte de marketing e relacionamentos.

Ser Personal Trainer é dominar tudo aquilo que envolve o nosso trabalho, e não só naquela uma hora em que ficamos com o nosso aluno.

Dominar a parte técnica, ou seja apresentar resultados embasados em tendências e conceitos científicos,

Saber através de avaliações quais os pontos principais a serem trabalhados com o aluno, saber atuar de forma precisa na parte psicológica dos treinos. Sim, para ter um aluno durante um bom tempo você tem que ser um bom “psicólogo”, e manter esse aluno motivado e satisfeito o tempo inteiro,

Ter um bom marketing pessoal sem exageros, um marketing bem trabalhado e criativo é muito mais eficaz do que uma enxurrada de informações desnecessárias,

Ser organizado com seus materiais de trabalho, nas planilhas e na parte financeira, afinal ser Personal Trainer também é ser  como uma empresa (esse ponto será tema de um post futuro).

Caso você não tenha uma planilha para cada aluno contendo os dados obtidos nos testes e projeções futuras algo está errado, repense seus métodos de trabalho e organização.

Pois para chegar na hora da aula sem planejamento nenhum e ver o que acontece no treino é coisa de amador e não de um verdadeiro Personal Trainer. Porque para ficar ali do lado do aluno olhando para o relógio e para o celular e apenas contar repetições não precisa de muito esforço, o mesmo vale ao ficar do lado do aluno na esteira o treino todo atuando como um famoso segurança de esteira. Portanto ser criativo nos treinos e proativo contam e muito para um trabalho de sucesso.

Se prepare para ser um  Personal Trainer completo, tenha consciência de que o seu trabalho não se resume apenas naquela hora em que você está com o aluno durante o treino.

Temos que tomar cuidado com essa banalização do nome Personal Trainer, isso implica diretamente no reconhecimento profissional de quem faz o trabalho de uma forma completa e verdadeira. Seria ótimo se todos que atuam como Personal Trainer fizessem o trabalho de uma forma completa, assim evitaria preços de hora/aula totalmente defasados em relação ao que podemos oferecer.