Qual a importância do Treinamento Organizacional?

14 de novembro de 2012 ● POR Redação

A “Nova Economia” e a globalização estão aquecendo cada vez mais a competitividade entre as organizações, transformando as mudanças em algo comum no ambiente corporativo. Tal fato ocorre de forma que, as empresas são obrigadas capacitar seus colaboradores.

A “Nova Economia” e a globalização estão aquecendo cada vez mais a competitividade entre as organizações, transformando as mudanças em algo comum no ambiente corporativo. Tal fato ocorre de forma que, as empresas são obrigadas a capacitar-se e desenvolver-se para acompanhar o mercado e poder competir nele. Dessa maneira muitas empresas acreditam que o seu diferencial esta no principal ativo da organização, o capital humano.

As empresas estão adotando com mais confiança políticas de gestão de pessoas de forma a garantir as metas organizacionais, a fim de obter seu diferencial competitivo, seus talentos. Sendo assim, o treinamento e desenvolvimento se mostram essenciais para garantir às organizações a variante necessária impulsionada pelos novos desafios globais.

O desafio do aprimoramento constante faz com que o nosso foco fique voltado para o desenvolvimento do potencial humano. A imutável capacidade de “aprender a aprender” mostra no treinamento de pessoal um modelo de educação. Tendo como característica principal a educação para o trabalho, estimulando mudanças no comportamento em direção ao crescimento pessoal e profissional, propiciando o desenvolvimento da organização.

O treinamento é uma atividade destinada a promover a melhoria do individuo e da empresa, tornando-os mais qualificados. Para que seja possível oferecer treinamentos eficazes é preciso que: haja um detalhado levantamento das necessidades de treinamento; qualidade na programação, planejamento e organização. Sendo assim, aplicado de forma correta haverá o bom aproveitamento do capital investido, possibilitando que o trabalhador esteja apto para desempenhar a função que lhe foi atribuída.

O fortalecimento do funcionário é muito importante para a qualidade proposta pela organização, ela inicia-se com o cliente interno para que possa atingir o cliente externo. Conclui-se então que para seguir as rápidas mutações do mercado é necessário desenvolver a excelência, em primeiro lugar, internamente. Pessoas qualificadas, criativas, inovadoras, atualizadas e motivadas, consequentemente trarão inúmeros benefícios a organização.

Por Camila Benevenuto Freire, Consultora em Treinamento e Desenvolvimento
Publicado no site Administradores.com