A importância do professor de Educação Física na primeira infância

08 de outubro de 2018 ● POR Nathalia Almeida

No que diz respeito à saúde infantil, a Educação Física na infância é um pilar importante. Em uma época onde as inovações tecnológicas são inseridas não apenas em casa, mas também nas escolas e nas ruas, as atividades físicas proporcionam diversas experiências essenciais para o desenvolvimento humano.

Na primeira infância, onde é construída a capacidade motora do ser humano, a Educação Física tem o papel de trabalhar os aspectos cognitivos, sociais, afetivos e motores de forma integrada.

As ações pedagógicas conseguem inserir a criança em experiências corporais e movimentos mais amplos, ampliando a base de aprendizagem a partir de meios atrativos para as respectivas idades. “Com as aulas, os alunos aperfeiçoam e corrigem o movimento a cada repetição. O mais importante é sempre apresentar as regras e ressaltar o bom comportamento nas atividades”, afirmou Bruno Senna, coordenador de Educação Física do CEL International School.

De acordo com ele, é ideal trabalhar a atividade física desde a primeira infância por seu incentivo aos hábitos saudáveis e pela promoção do desenvolvimento motor e mental. “A Educação Física ensina a importância do trabalho em equipe e mostra que a competição pode ser saudável independente da vitória. Além disso, no âmbito da saúde, ela auxilia na prevenção e no tratamento de doenças como hipertensão arterial, obesidade e hipercolesterolemia, cada vez mais comuns entre as crianças”.

Com atividades que trabalham o autoconhecimento e a consciência corporal, as crianças identificam suas limitações e trabalham para desenvolver melhor suas habilidades. Para isso, o professor de Educação Física infantil precisa buscar os principais meios atrativos, levando em consideração a cultura e corporeidade da criança.

“Os alunos são estimulados a trabalhar em equipe, promovendo o companheirismo, o respeito pelas diferenças e semelhanças dos colegas. Aprendem, desde pequenos, a importância das relações sociais, como a troca de experiências e como a ajuda ao próximo é saudável”, explica o coordenador.

Para atingir da melhor maneira possível o desenvolvimento, é importante que o professor planeje as atividades e as execute com objetivos específicos, conteúdos, procedimentos e avaliação adequada. “Os professores podem trabalhar atividades que envolvam responsabilidade, organização, paciência, liderança, poder de concentração, utilização de estratégias e respeito pelas regras”, termina.

*Fonte: Bruno Senna, coordenador de Educação Física do CEL International School.